Líder do DEM se reúne com representantes de George Oetterer para discutir plebiscito

O líder do DEM na Câmara, José Crespo, se reuniu com representantes das quase 20 mil pessoas que vivem em George Oetterer e bairros vizinhos, em Iperó, nesta sexta-feira (1º), para discutir o plebiscito que vai decidir se o bairro se anexa a Sorocaba.

“Desde o tempo em que fomos deputado estadual trabalhamos para que a consulta ocorra, mas isto não aconteceu ainda porque depende da Assembleia Legislativa e o processo foi engavetado em 2006 pelo presidente da época, Barros Munhoz (PSDB)”, disse o líder do DEM.

De acordo com José Crespo, o então presidente da Assembleia impediu a consulta a pedido do prefeito de Iperó da época, Marco Antônio Vieira de Campos (PSDB), que era contra a população de George Oetterer, já que pretendia manter o distrito sob seu domínio.

A queixa dos moradores daquele local e dos bairros vizinhos é que estão cerca de 20 quilômetros do centro de Iperó, o que faz com que não recebam atenção da prefeitura iperoense, como escolas, segurança, saúde, transporte e opções de lazer, entre outras.

Para o presidente da Associação Campos Vileta do Distrito de George Oetterer, Caio Mario Samuel da Silva, uma das lideranças presentes, a situação poderia ser outra se houvesse a anexação a Sorocaba, porque esta cidade fica a apenas dois quilômetros de lá.

Em atenção à solicitação das lideranças comunitárias que o procuraram novamente, o líder do DEM, José Crespo, se comprometeu a retomar o trabalho, “mesmo porque o presidente agora é outro, Fernando Capez (PSDB), e talvez a disposição tenha mudado”.