Projeto quer prevenir falta de energia em elevadores

Projeto de lei protocolado pelo vereador José Crespo (DEM) na Câmara determina que os novos prédios prevendo o uso de elevadores que venham a ser aprovados em Sorocaba deverão ser dotados de geradores e/ou outros dispositivos tecnológicos que impeçam que os elevadores parem entre andares e que seus usuários fiquem trancados em seu interior, na hipótese de falta de abastecimento externo de energia elétrica.

Justificando o projeto, explica o vereador José Crespo que o apagão ocorrido no último dia 10 de novembro de 2009 e que durou várias horas, ocasionou que centenas de pessoas, em vários Estados, ficassem presas dentro de elevadores de prédios, causando desconforto, desespero e até mal-súbitos com risco de mortes.

Esse fato já aconteceu várias vezes no passado e poderá se repetir com frequência até maior. Atualmente, existem geradores de combustível líquido capazes de manter os elevadores em funcionamento normal, mesmo sem energia externa, e baterias capazes de levá-los ao piso mais próximo e abrir as suas portas, para a evacuação através das escadas. O custo desses equipamentos de proteção humana passa a ser irrisório, se contabilizado e rateado ainda na fase de construção do prédio.

Este é o objetivo do projeto, explica o vereador José Crespo: retirar Sorocaba da relação de cidades onde parte da população nem utiliza os elevadores, com pavor da possibilidade de ficar presa em seu interior. Outra grande vantagem social será liberar o Corpo de Bombeiros dessa tarefa (libertar pessoas de elevadores travados entre andares de prédios), para que cuidem de emergências mais graves, durante a ocorrência dos apagões elétricos.